Como ser um streamer de sucesso: saiba como começar

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Subscribe to our Newsletter and receive exclusive content!

Saiba como ser um streamer de sucesso. Comece a monetizar online com live streamings de games

Já imaginou trabalhar transmitindo ao vivo coisas que ama fazer? Ganhar dinheiro na internet? Isso já é possível, sendo um streamer. Pode ser uma profissão, um hobby ou simplesmente, lazer! De qualquer maneira, esse “mundo” está a cada dia crescendo mais. O streamer trabalha com a exibição online. Eles realizam partidas online de diversos games, interagem com uma audiência e ganham espaço na internet jogando. Inclusive, o termo já é bem conhecido por algumas pessoas – pois normalmente é usado no universo dos games.

Ademais, muitas pessoas conhecem a palavra streaming – um serviço de entretenimento online, como a Netflix e a Amazon Prime Video. Similarmente, é como essas plataformas, porém ao vivo e com pessoas jogando diversos tipos de games.

De acordo com o portal G1, “alguns dos principais streamers do gênero no país observaram um aumento de até 100% na audiência desde meados de março”, isso sem levar em consideração os números do YouTube e Facebook Gaming, que ainda não divulgaram dados de 2020, um ano com pandemia e isolamento social. Ainda, segundo o site, a Twitch – serviço focado em stream de jogos – afirmou que houve  “um aumento significativo” na audiência.

Desenvolvimento

É notório o crescimento dessa nova profissão, visto que com o isolamento social muitas pessoas procuram por novas formas de entretenimento e também por formas de ganhar dinheiro. Então, se você deseja começar a fazer algo novo e deseja lucrar com isso, é necessário entender bem sobre o que é o streamer e como se tornar um. Entretanto, entenda, o streamer nem sempre é youtuber. São duas coisas diferentes.

Diferença entre Streamer e Youtuber

Os streamers estão cada vez mais se destacando no mundo tecnológico e, consequentemente, ganhando dinheiro com isso.

Os streamers fazem transmissões ao vivo. Portanto, utilizam diversas ferramentas para levar em tempo real entretenimento para o público que o acompanha. Isso torna um vínculo ainda mais forte com seu público pois é um processo bem mais “real”.

Já os youtubers costumam criar conteúdo independentemente do nicho, do tamanho do canal e do número de inscritos, com o vídeo gravado e editado sendo publicado no YouTube, diferente do streamer que transmite em tempo real, sem grandes produções e edições.

Os streamers estão cada vez mais se destacando no mundo tecnológico e, consequentemente, ganhando dinheiro com isso. Para melhorar a performance, cada profissional escolhe uma plataforma para fazer suas transmissões. Cada uma com suas particularidades. Quer saber como ser um streamer de sucesso e qual plataforma utilizar? Continue lendo este artigo.

Plataformas usadas por streamers

Onde realizar as transmissões é um assunto que desperta muito interesse

Onde realizar as transmissões é um assunto que desperta muito interesse, principalmente por aqueles que têm paixão pela tecnologia, pela informática e também pela comunicação. Hoje as principais plataformas utilizadas para realizar o streaming são:

  • Facebook Gaming;
  • Youtube Gaming;
  • Mixer e;
  • Twitch

Portanto, essas são as mais populares. Falaremos de cada uma delas abaixo.

Facebook Gaming

Essa é outra plataforma para realização de livestreams. O Facebook Gaming é vinculado ao Facebook. É uma ferramenta utilizada para transmitir vídeos de jogos e de campeonatos eletrônicos.  Portanto, é possível que as pessoas joguem e transmitam ali, para outras pessoas, suas jogadas em tempo real acessando o fb.gg. Para começar utilizar esse recurso e fazer os streamings, é necessário ter um perfil na rede social, criar uma página com a categoria “Criador de vídeos de jogos”. Além do mais. De acordo com o site Techtudo, “qualquer um pode se tornar um streamer na plataforma. É só criar uma conta, configurar o software de streaming e iniciar a transmissão.” Lá os espectadores podem seguir os streamers que mais gostam e acompanhar eles ao vivo.

Também é possível monetizar

Inclusive, é possível também lucrar com a realização dessas “lives” na plataforma. Já em relação a monetização, o site TechTudo explica: “A função de monetização do conteúdo está disponível apenas aos participantes do Programa Level Up. O dinheiro circula na plataforma pelas Facebook Stars. Com essa função, os espectadores de um determinado streamer podem comprar estrelas e enviá-las para o produtor de conteúdo que lhe convém e um alerta será exibido no bate-papo quando as estrelas forem enviadas. Segundo o Facebook, cada estrela vale US$ 0,01 (cerca de R$ 0,04 em conversão direta).”

Além do mais, há alguns requisitos básicos para monetizar na plataforma, como por exemplo: Ter pelo menos 10 mil seguidores, 30 mil visualizações em vídeos com mais de 3 minutos de duração por ao menos 1 minuto. Ainda, é necessário seguir de maneira rígida as políticas. Vídeos estáticos e com pouco movimento e montagens de texto ou imagens não podem ser feitos. Inclusive, as lives não podem conter conteúdos sexuais, consumo de drogas e de substâncias, discursos de ódio, preconceito, etc. Tudo isso pode levar a diminuição da monetização.

Youtube Gaming

A plataforma do Youtube Gaming também é uma ótima opção para realizar os streamings. Através da plataforma o resultado das buscas são mais focados a assuntos ligados aos games. Ainda, quando os assinantes assinam o canal, eles recebem notificações quando são publicados vídeos, fazem lives, etc.

A ferramenta ficou totalmente focada nisso. Portanto, é muito vantajosa para gamers que possuem dúvidas e querem conhecer mais sobre os diversos jogos.

Já para fazer lives streamings na plataforma, basta clicar na opção “Go Live”, localizada no canto superior direito, no mesmo menu que possui a opção de enviar vídeos. A plataforma já chegou ganhando espaço no mundo dos gamers. De acordo com o site Código Fonte, “o gigante das buscas sabe que os games e o conteúdo gerado pelos jogadores são elementos poderosos e com enorme apelo. Vídeos e transmissões acabaram assumindo um papel importantíssimo na divulgação, na comunicação entre a comunidade e no próprio dia a dia dos jogadores.”

Mixer

O Mixer também é uma plataforma para fazer as famosas lives de games. Há diversas opções, hein? Outrossim, o Mixer também disponibiliza maneiras de lucratividade dos streamers. O site TechTudo, explica que há diversas formas de monetização das transmissões. De acordo com o site, “os seguidores podem se inscrever na página do canal por U$ 4,99 dólares (R$ 20,83 em conversão direta) mensalmente. Este valor é dividido igualmente entre o streamer e a plataforma. Também é possível presentear outros seguidores do canal com inscrições.”

Outra maneira de ganhar dinheiro com as transmissões no Mixer, são os Embers. De acordo com o TechTudo, é um recurso bem semelhante aos bits da Twitch. “O usuário realiza a compra das moedas, que podem ser utilizadas para apoiar o streamer diretamente. É necessário comprar uma quantidade fixa de Embers, que podem variar desde uma “pilha de 120 Embers” por R$ 8,95, até mesmo um “reboque de 36 mil Embers” por R$ 2.249,95″, menciona o site.

Ademais, há diversas outras ferramentas que complementam o Mixer e que resultam em streamings com bons recursos, que aumentam a qualidade dos vídeos. Em outras palavras, tudo isso influencia para que os espectadores sigam os produtores das lives e acompanhem arduamente. Aliás, há também sistemas de experiências e níveis, parecido com o Twitch.

Twitch

O Twitch é uma das mais utilizadas no momento. Possui um grande número de streamers e de espectadores. Outrossim, possui bastante visibilidade. Além do mais, funciona com três categorias de streamers:

  • Os streamers comuns é quando o usuário inicia na plataforma e não pode ter inscritos (subs). Além do mais, as pessoas não conseguem mudar a qualidade da transmissão. Nessa categoria, a pessoa não recebe nenhuma remuneração.
  • Já o Streamer afiliado é outra categoria da plataforma, porém que possui remuneração. Aqui o streamer recebe remuneração por propagandas nas transmissões. Fora que, pode receber as gorjetas que os espectadores podem dar, os famosos “cheering”, que são através das moedas virtuais da própria plataforma. Para se tornar um streamer afiliado, é necessário atingir números e metas. Nessa proposta, os usuários já podem ter inscritos no canal. É possível também, ter acesso a qualidade de transmissão e ter emojis exclusivos na ferramenta.
  • E a terceira categoria, é o Parceiro da Twitch – a classe mais alta do Twitch. São streamers que possuem todas as funções liberadas. Da mesma forma, possui a remuneração como a de um afiliado, porém consegue maior divulgação da própria plataforma.

Essas são algumas das principais plataformas de realização de lives de games. O que sugerimos é que, antes de escolher a que você deseja, entre em cada uma. Essa pesquisa e experiência é fundamental caso você queira ser um streamer de sucesso. Navegue pelas plataformas, explore as diversas funções. Entenda sobre seus possíveis ganhos e planeje-se. Agora, confira dicas de equipamentos para lives com alta qualidade de som, voz e imagem.

Equipamentos para começar como streamer

É super necessário que antes de começar a trabalhar com isso, obtenha-se esses itens

Quer começar e não sabe por onde? Bom, aqui vão algumas dicas dos principais equipamentos. É super necessário que antes de começar a trabalhar com isso, obtenha-se esses itens.

Bons acessórios

A princípio, é extremamente importante que acima de tudo tenha um bom computador. É valioso que o computador tenha um processador de última geração e pelo menos 8 GB para garantir que o stream seja entregue com qualidade.

Um bom teclado e um bom mouse também é significativo. Porém, não é fundamental. Um bom teclado e um bom mouse são mais confortáveis para realizar as jogadas. Sem falar que, a iluminação do local também deve ser boa, para isso, pode ser comprado equipamentos específicos para luz.

Microfone

Um bom microfone é imprescindível, deve ser unidirecional, para captar apenas o som que está à sua frente e assim como resultado, não pegar os barulhos à volta (como por exemplo do teclado). Sendo assim, é fundamental que esse item seja de qualidade e que elimine os ruídos do som. É importante que o microfone que usas elimine todos estes ruídos e filtre o som.

Abaixo, seguem algumas dicas de bons microfones:

O Microfone Condensador Samson Go Mic é um microfone que possui um preço “acessível” perto de outros microfones e uma ótima qualidade no áudio. O som sai de maneira agradável durante as transmissões. O preço é em torno dos R$ 250 reais.

O Microfone de lapela sem fio BOYA-BY-WM4 também é uma das melhores opções para quem busca por um bom som. Sem falar que é sem fio, o que facilita muito. Inclusive, ele é compatível com inúmeras câmeras digitais e com smartphones, sejam eles Android ou iOS.  O preço desse é um pouco mais “salgado”, a partir de R$1.200 reais.

O microfone condensador Blue Yeti é para aqueles que querem uma alta durabilidade do equipamento. Sem falar que o som deste microfone é fenomenal. O seu custo é mais alto que o citado acima. Normalmente, o valor é acima dos R$1.000. Contudo, se o intuito é investir no streaming, esse microfone é uma ótima escolha.

Estas são opções para quem deseja um equipamento com duração, estabilidade e ótima condição de som. Pensamos em trazer valores diferenciados – para aqueles que desejam começar e não pretendem pagar muito caro, e também para aqueles que desejam investir alto.

Webcam

As webcams também são equipamentos bastante importantes para gravar os streams. Caso utilize notebook, a sugestão é que invista em uma câmera boa. Uma resolução de 4k é indispensável para gravações com ótima qualidade. Abaixo, seguem algumas sugestões de produtos que gravam imagens muito boas:

A Logitech C922 Pro Stream é uma ótima câmera para quem quer uma resolução com qualidade e praticidade. Sua resolução é de 720p com rácio de frames em 60fps. A câmera possui o foco automático e suporta diversos tipos de chamadas e lives. Além do mais, possui ótimas funcionalidades como, a correção da luz baixa e uma instalação simples. Seu preço é a partir de R$600,00.

Essa é para profissionais! A Microsoft Lifecam Studio possui um nível de resolução até 1080p. Ela possui um ótimo foco, uma qualidade sem igual e é bastante indicada para empresas realizarem conferências, por sua impressionante propriedade. O preço dos modelos varia de R$300 até R$800,00.

A Webcam Logitech 310 também é uma das mais indicadas para realizar streamings. É uma ferramenta simples, com um bom preço e que também pode oferecer uma imagem bem agradável e com boa definição. Sua resolução é de 720p.

É importante frisar que a Logitech oferece webcams com um bom custo-benefício para quem não deseja investir muito dinheiro no equipamento. Essa que foi citada, pode ser encontrada por menos de R$100,00.

Headphones

Boa qualidade de som é outro fator primordial. Além do mais, os headphones ajudam a não transmitir o som para o ambiente, desta maneira, evitando perturbar pessoas no mesmo ambiente e/ou local. Sem falar que, o headphone poderá ter bastante uso, e não só para realizações de lives, mas também para ouvir músicas, assistir filmes e séries, etc.

Descubra agora, algumas boas marcas:

Dessa vez, começaremos por um relativamente caro. O HyperX Cloud Alpha é um dos melhores headsets do mercado. A qualidade sonora é impressionante. Ainda, é extremamente confortável e possui uma popularidade de ser durável. Importante, não é mesmo? Seu preço é a partir de R$520,00.

HyperX Cloud Stinger também é excelente quando se trata de som. Sem falar do custo benefício. Sobretudo, apesar de possuir um acabamento mais simples, comparado ao citado acima, possui um bom som. Ele custa em torno de quase R$300.

Essas são algumas dicas para começar o processo de se tornar um streamer de sucesso. Existem no entanto, diversos outros tipos que também possuem uma grande qualidade e durabilidade. É necessário pesquisar. Um bom equipamento é o começo de tudo. Confira agora sobre os streamers mais populares do Brasil.

Streamers populares no Brasil

Hoje, há streamers com mais de 1 milhão de seguidores

Ademais, toda essa popularidade entre os streamers do Brasil e também do mundo, acabou despertando interesse de várias marcas. Consoante com o site Publicitários Criativos, as marcas estão deixando de anunciar com Youtubers para focar nos Streamers.

Hoje, há streamers com mais de 1 milhão de seguidores, realmente, “profissionais” de live streamings que conquistaram um público.

O Alanzoka é um streamer da Twitch e já tem mais de 4 milhões de seguidores. Ademais, ele testa muitos jogos, mas principalmente do gênero de terror. Além de streamer ele também é youtuber.

O Bruno Nobru também é um dos que possuem mais seguidores da Twitch, atingindo a marca de mais de 2.8 milhões de seguidores. O jogo que o tornou bastante popular é o FreeFire!

Jogos de esporte também são bastante escolhidos para realização das lives. O Luiz Torres, tem mais de 10 mil seguidores e é simplesmente especialista em poker, jogando em suas transmissões, o Texas Hold’em. A interação é um destaque, nas lives do Luiz.

Representatividade feminina

Achou que iríamos deixar o público feminino de fora? A WZuia (Júlia) se destaca muito quando se trata de Minecraft, League of Legends,Overwatch e GTA. Ela possui mais de 32 mil seguidores e está crescendo cada vez mais nesse mundo dos streamings. Ela levou representatividade às mulheres nos games. Similarmente, ela também criou um portal onde cria conteúdos relacionados a jogos, o Liga das Garotas.

Esses são alguns dos inúmeros streamers de inúmeros que já existem nas plataformas. Para quem busca sucesso no mundo das lives, acompanhar os mais “famosos” é uma boa opção para ter novas ideias e se inserir no meio. Sem contar na experiência que é sempre fundamental.

Curiosidade: Grandes marcas já anunciam com os streamers

Tyler “Ninja” Blevins é norte-americano e um dos streamers mais conhecidos e ganhou a atenção de várias marcas quando jogou Fortnite com o rapper Drake. Ainda segundo o site mencionado acima, o streamer e gamer já ganhou aproximadamente US$ 500 mil em um único mês. O gamer/streamer já participou de uma publicidade feita pela Samsung.

Dicas simples para ter sucesso como streamer

É importante lembrar que, tudo no começo parece difícil demais, por isso, é importante gostar do que faz

Para concluir, algumas dicas são fundamentais para quem deseja ter sucesso como streamer e lucrar com isso. Porém, é importante lembrar que, tudo no começo parece difícil demais, por isso, é importante gostar do que faz. O crescimento pode levar tempo, mas acontece. Confira:

  1. Cuidar da identidade visual é importantíssimo para quem deseja ser “famoso” nesse meio e acabar lucrando com os games. Consequentemente, manter as redes sociais organizadas, harmônicas e bonitas causa uma boa impressão. Principalmente se os streamings forem realizados no Facebook Gaming. Dê atenção aos icons/avatares nas plataformas. Sendo assim, use imagens originais, assim marcará sua audiência.
  2. Escolha jogos populares. Claro que antes precisa gostar do jogo, não adianta fazer coisas que não gosta. Como resultado, ao apostar em jogos que possuem uma maior popularidade, poderá ser mais fácil de alcançar mais visualizações e “seguidores”.
  3. Mostre seu rosto, suas reações. Tudo isso ajuda a criar um vínculo com o público espectador. Para resumir, por isso a webcam é tão importante.
  4. Conquistar o público é um dos fatores que mais ajudarão a desencadear sucesso como streamer. Interaja com os espectadores, responda questões, agradeça por seguirem a página. Tudo isso gera um vínculo que com certeza fará que o público continue assistindo aos live streamings.

Em conclusão, essas são sugestões simples mas que podem auxiliar no crescimento do streamer. São passos que podem levar a ótimos resultados, como: reconhecimento, valorização e lucros!

Vire um streamer de sucesso e monetize com isso

Percebeu que é um mundo cheio de possibilidades? Cada vez mais as tecnologias oportunizam novas formas de trabalho e de lucratividade. Além dos youtubers, agora há os streamers. Essa nova “profissão”, “hobby” ou apenas lazer (como preferir chamar) que está surgindo já está gerando muito lucro para os usuários que realizam as famosas streamings. Hoje, qualquer um pode ser um streamer de sucesso. Qualquer um que queira pode fazer as livestreams por diversão ou até mesmo como profissão. Basta querer e começar. Siga algumas das dicas acima.

Caso precise de apoio para começar a monetização de games, entenda todos os passos para começar a lucrar com algo que você realmente curte. A Latam Gateway ajuda seus clientes a monetizar seus games em qualquer lugar na américa latina. Os pagamentos são locais e totalmente instantâneos para plataformas de jogos. Ademais, somos uma empresa com muita experiência no assunto, pois já estamos há mais de 15 anos nesse mercado de monetização. Sem falar que… Falamos a linguagem dos gamers. Acesse e conheça nossas soluções.

Subscribe to our Newsletter and receive exclusive content!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

CONTACT